A saga do demaquilante

Meu demaquilante acabou. Era um  L’oréal Paris Bifásico, mas como não quero mais usar produtos cujas marcas testam em animais, resolvi procurar outro. Eu também gostava do shampoo Johnson’s Baby, que é ótimo para tirar a maquiagem, mas a marca também realiza esse tipo de teste.

O que eu não sabia é que eu ia demorar tanto para encontrar um que atendesse todas as minhas “exigências” (basicamente não maltratar os animais e não conter substâncias que vão me fazer mal). Sei que existem alguns óleos naturais que cumprem bem a tarefa, mas queria ter a opção de algo mais prático e de fácil remoção, até porque também uso pra ajeitar maquiagem borrada (não sei aplicar delineador).

Pensei logo nos da The Body Shop, mas depois de ler algumas reviews achei que não valia a pena. Queria o Camomile Gentle Eye Make-Up Remover, mas pelo que vi ele não é tão bom assim para justificar os R$48. O mais aclamado dessa marca é o óleo demaquilante de camomila, mas ele custa R$77, não tive coragem, mas dizem que rende bastante.

18_47_12_324_camomile_gentle_eye_makeup_remover_l-horz

Pensei também em comprar o da Vult, que é baratinho e parece ser muito bom, mas quando vi a fórmula dei de cara com conservantes de risco em grande proporção. Fora da lista. Acabei me decidindo por um da Granado. Pelo que li, ele não é o melhor do mundo, mas é bom. Resolvi testar, já que eu quase não uso maquiagem no dia a dia, e quando uso, não é nada muito difícil de tirar, principalmente depois que deixei de usar o Colossal da Maybelline.

demaquilante-facial-granaderma-granado-01

Chegando na loja, fui dar uma olhadinha no rótulo. Eu já tinha visto na internet, mas acho que mudaram a fórmula, porque dessa vez notei que tinha parabenos. A moça que me atendeu até me perguntou se eu tinha alguma alergia quando me viu lendo a embalagem, e quando comentei que evitava parabenos, ela me disse que “nenhum produto daqui tem parabenos”. Já é a segunda vez que acontece isso na Granado, da outra vez eu perguntei se tinha óleo mineral na fórmula e me disseram que não, quando na verdade tinha. Não acho que façam isso de propósito, mas é bom sempre dar aquela olhada na lista de ingredientes.

Perguntei se tinha outra opção e ela me indicou o Demaquilante Cremoso Phebo, e para a minha sorte ele estava em promoção (de R$40 por R$21) e é livre de parabenos e vegano. Chegando em casa, mais uma surpresa: o segundo ingrediente é o  isohexadecane, um derivado do petróleo. Pesquisei e resolvi usar m esmo assim, porque ele não é considerado um óleo mineral, é mais leve e puro, e no site EWG  (eles têm um catálogo com substâncias e seus possíveis riscos) vi que é considerado um ingrediente seguro.

BLOG

Confesso que não esperava muita coisa do resultado, mas me surpreendi. Ele tira a maquiagem com muita facilidade, não arde o olho e não precisei de muito produto para tirar tudo. Não testei com máscara de cílios à prova d’água, e sim com uma da quem disse, berenice?, então não sei se ele seria tão eficiente para isso, mas pretendo usar óleo de amêndoas para ajudar a tirar, quando necessário. O cheiro é bem suave e ele é hidratante sem deixar a pele oleosa depois. Final feliz para a busca!

 

 

 

 

 

 

 

Favoritos de fevereiro!

Não resisti! No fim de cada mês vou mostrar os produtos que estou amando. Como esse é o  primeiro do tipo, acabou sendo um post com os favoritos dos últimos tempos! A ansiedade é tanta que nem esperei o mês terminar pra compartilhar – e olha que é o mais curto do ano.

E claro, todos os itens da lista são cruelty free ❤

DSCN1122

Lush Mask of Magnaminty

Eu já tava de olho nessa máscara há um tempo quando fui na casa da minha amiga Carol (a pessoa mais viciada na Lush do mundo) e ela perguntou se eu queria experimentar. Usei, e 15 minutos depois eu já estava alisando meu rosto, maravilhada. Comprei no começo do ano. A Mask of Magnaminty limpa, esfolia e hidrata, é bem refrescante e tem cheirinho de menta. Notei diferença nos cravinhos chatos do nariz também. Uso toda semana para dar aquela renovada! O bom é que só é preciso usar bem pouco produto por vez, então deve durar um tempão.

coconut

Coconut Body Butter The Body Shop

Comprei essa manteiga corporal numa promoção da The Body Shop (e acabei de ver que ainda tá rolando desconto em alguns produtos, incluindo esse!) e me apaixonei. Ainda acho um valor alto, comprei por R$40 e o valor normal é R$59, mas é o melhor hidratante que já usei. Até então eu só tinha usado esses de supermercado, mas a maioria tem óleos minerais e o resultado não é muito bom. O bom da manteiga corporal é que é bem concentrada, então só uso um pouco por vez  e dá para espalhar bastante, e só uso  umas duas ou três vezes por semana também, até pra economizar. Essa de coco é ainda mais espessa do que as outras, ao ponto de não derramar se virar de cabeça para baixo. O cheiro dos produtos da The Body Shop é forte e talvez algumas pessoas estranhem, mas eu amei.

DSCN1116

Óleo Corporal Ylang Ylang Granado

Um dos meus cheiros preferidos da vida! Acho essa a melhor opção de óleo corporal que tem por aí, pois é feito só com óleos vegetais, tem vitamina E e o preço é bom, custa R$22. Nessa faixa, a outra opção que uso é o óleo de amêndoas da Johnson & Johnson, mas esse tem parafina líquida como um dos principais ingredientes, então não vou comprar novamente. Acho a embalagem desse óleo da Granado chatinha de usar durante o banho, mas ela é ótima para dosar o produto. Por ser vegetal, ele é bem levinho, mas hidrata bastante.

DSCN1127

Santa’s Lip Scrub Lush

Mais um que comprei nas promoções de janeiro. Todo ano a Lush disponibiliza uma coleção especial de Natal, e quando a data passa, fica tudo com 50% de desconto! Amém! Gosto bastante desse esfoliante labial, mas o resultado não é tão diferente do que eu conseguia utilizando uma versão caseira, então não sei se compraria pelo preço normal. Acho que a principal diferença tá no sabor, esse tem base de açucar e gostinho de cola e cereja, então acabo usando mais, uma ou duas vezes por semana. Ele tira aquelas pelinhas dos lábios, o que é ótimo para quem usa batom matte ou líquido, e ainda hidrata, por conter óleos essenciais – o que não elimina a necessidade de passar um lip balm depois da esfoliação.

DSCN1136

Batom Líquido Dailus Pro

Falando em batom matte e líquido, eu tava atrás de um batom vermelho mais fechado, e acabei achando esse da Dailus, na cor Ballet. Ele é matte, bem pigmentado e a durabilidade é muito boa. É um ótimo custo/benefício também, dá pra achar por uns 20 reais nas lojas.

DSCN1139

Swatch com a participação de Lola pra vocês terem uma ideia

 

DSCN1131

Finalizador Bio Extratus Botica Algas Marinhas

Comprei esse finalizador (ou creme para pentear) da Bio Extratus por ser vegano, cruelty free e livre de parabenos e petroquímicos. Acho que é o único que dá para encontrar nas farmácias com ativos vegetais em quantidades significativas. Para a minha sorte, meu cabelo se deu super bem com ele! Só tenho que controlar a quantidade, porque meu cabelo é curto e fica oleoso com facilidade. Esse finalizador minimiza o frizz, hidrata e deixa o cabelo bem soltinho. Gostei também tele ter filtro solar e termoproteção. Fiquei curiosa para testar a versão de camomila da mesma linha.